Inbound Marketing, o que é?

Inbound Marketing, o que é? O Marketing Digital está em constante transformação, a cada momento surge um novo conceito em busca de apresentar resultados. Vamos falar um pouquinho sobre um dos mais recentes conceitos, o Inbound Marketing.

Partimos pelo significado, Inbound Marketing pode ser traduzido como Marketing de Atração, um conceito relativamente novo que visa atrair e fidelizar clientes pela internet.

Mas este não é o objetivo de qualquer ação de marketing?

Podemos dizer que sim, porém a execução da ação é completamente diferente. O Marketing Tradicional (também conhecido como Outbound  Marketing) tem por princípio a realização de uma oferta. Deste modo o Outbound Marketing é caracterizado por ações em que a empresa “vai atrás” dos clientes de maneira ativa.

Podemos considerar como Outbound Marketing propagandas vistas em rádios, TV, revistas, outdoors, panfletagem, dentre outras. O Outbound Marketing ainda possui o seu valor, porém o Inbound Marketing surgiu para suprir necessidades não atendidas por ele.

O que há de mais “revolucionário” no Inbound Marketing é a capacidade de atrair o cliente à sua empresa com disponibilização de conteúdo gratuito. Isso não parece fazer muito sentido não é mesmo?

4 maneiras de atrair clientes através do Inbound Marketing

  • Disponibilizando conteúdo gratuito na internet
  • Realizando ações em Redes Sociais
  • Trabalhando com E-mail Marketing
  • Criando Landing Pages

A disponibilização de conteúdo gratuito é provavelmente o principal pilar do Inbound Marketing, pois faz parte de uma estratégia chamada Marketing de Conteúdo. É através do Marketing de Conteúdo que sua empresa ganhará “crédito” com possíveis clientes e sobretudo com o Google.

O Inbound Marketing está diretamente ligado às estratégias de SEO (não sabe o que é SEO? Não tem problema, clique aqui e lhe contaremos mais sobre ele), pois o Google identifica e ranqueia o seu site através do conteúdo disponibilizado nele.

Com a criação de conteúdo rico e relevante sobre um determinado assunto, o seu site ou blog ganham algo chamado “AUTORIDADE”. Quando você detém um conhecimento e o compartilha de maneira gratuita você passa a ser melhor visto pelas pessoas não é mesmo? O mesmo serve para o Google.

O Google possui “robôs” que mapeiam os sites com o objetivo de verificar se o conteúdo deles é relevante ou não. Se você utilizar técnicas de criação de conteúdo, ter uma boa escrita e dominar um determinado tema, você pode provar ao Google e ao seu público que você é uma verdadeira autoridade no assunto.

Gerando credibilidade com o Inbound Marketing

A disponibilização de conteúdo é apenas a primeira etapa do Inbound Marketing e ela tem como objetivo iniciar um relacionamento com qualquer visitante do seu site. O ideal é que sua empresa possua um Blog dentro do site e que o conteúdo disposto neste Blog “eduque” estes visitantes visando conquistar credibilidade com eles.

Após conquistar esta credibilidade com o Google e com os visitantes, chegou o momento de intensificar o seu relacionamento com este possível cliente. A disponibilização de conteúdo não deve ser feita apenas através do Blog. A sua empresa precisa qualificar os visitantes de seu site e para isso não existe nada melhor do que disponibilizar conteúdo para download (podendo ser um catálogo, um eBook, um infográfico, um podcast, um vídeo e por aí vai).

A próxima etapa é fazer publicações no Blog ou criar Landing Pages que condicionem o download de conteúdo ao preenchimento de formulários com dados pessoais, sendo este um o ponto chave do negócio, pois este é o momento em que você poderá classificar o seu visitante como um LEAD.

Lembre-se sempre que a premissa do Inbound Marketing é atrair e fidelizar clientes, portanto as ações não podem ser muito invasivas. Sabendo disso, elabore formulários que solicitem no máximo um número de telefone para contato e no mínimo um e-mail para o envio do conteúdo.

Desenvolvendo o relacionamento com o cliente

O Inbound Marketing requer constante interação com os leads e monitoramento de métricas. Parece complicado não é mesmo? Pois a verdade é que é sim bastante complicado e exige muito empenho. Ninguém falou que trabalhar com Inbound Marketing seria fácil.

A interação com os leads é uma etapa essencial do negócio, pois consta nesta etapa todo o trabalho de relacionamento direto e indireto com o lead. Seja através da disponibilização de conteúdo no blog, na criação de material para download e no envio constante de peças de e-mail marketing ou através de interação direta nas mídias sociais, whatsapp e chat online.

Mesmo se todos estes processos forem executados de maneira impecável, ainda é necessário um trabalho intenso em cima das métricas, que em outras palavras são os resultados obtidos com as ações trabalhadas.

Monitoramento de métricas

Uma gigantesca diferença entre Inbound Marketing e Marketing Tradicional é a possibilidade de mensuração de um e do outro. O Inbound Marketing proporciona análise e monitoramento de resultados das ações, sendo um grande ponto ao seu favor.

O Marketing Tradicional embora válido é quase impossível de ser mensurado, pois mesmo que ele atraia um possível cliente, dificilmente será sabido se este cliente veio por causa de uma revista, um jornal, um outdoor, de uma propaganda na rádio ou na TV.   

O Inbound Marketing utiliza meios digitais e assim proporciona uma mensuração de resultados através de métricas. Podemos citar por exemplo algumas ferramentas que ajudam a mensurar resultados como o Google Analytics, O MailChimp, a Resultados Digitais e o Semrush. Estas ferramentas disponibilizam métricas de tráfego em website, disparo automático de e-mail marketing, verificação de ações de um visitante dentro do site ou e-mail (se o lead abriu ou não no e-mail, por quanto tempo o visitante esteve em seu site, se ele fez o download de algum material etc).

Estas são as únicas ferramentas a serem utilizadas no Inbound Marketing? Não! Existe uma infinidade de ferramentas disponíveis na internet que podem ajudar com a verificação de resultados. Mas fique atento, a maior parte destas ferramentas são pagas e não costumam ser baratas.

Como fazer dinheiro com o Inbound Marketing?

Basta executar todas as etapas anteriores! Simples não é mesmo?

Brincadeiras a parte, a resposta acima está sim correta. Um trabalho bem feito de Inbound Marketing pode trazer ótimos resultados. As etapas do Inbound Marketing são:

    • Iniciar a criação de conteúdo
    • Aumentar o número de visitantes do seu site
    • Qualificar os visitantes em leads
    • Trabalhar estes leads e instigá-los com mais conteúdo relevante e e-mail marketing
    • Converter leads em clientes

Uma maneira bastante comum das agências trabalharem estas etapas de maneira simples e visual é através do Funil de Vendas.

Funil de Vendas

Quer saber um pouco mais sobre o conceito de FUNIL DE VENDAS? Clique aqui.

Como você mesmo pode perceber, o trabalho dificilmente se encerra. Normalmente a etapa final consta em começar tudo de novo. Existe muito retrabalho no Inbound Marketing e diferente do que muita gente diz, retrabalho não é necessariamente perda de tempo. O retrabalho no Inbound Marketing significa OTIMIZAÇÃO e serve para continuar sempre melhorando o que já foi feito.

Segundo Neil Patel (“guru” do Marketing Digital), quase todo o conteúdo já publicado em seu Blog deve ser otimizado. Agregar mais informação à um conteúdo já publicado também é algo percebido pelos robôs do Google. Portanto não existe aquela velha premissa de que o conteúdo “já realizou o seu papel”. Você pode reerguer este material agregando mais informações pertinentes ao seu conteúdo.

Milagres do Inbound Marketing

Não existem milagres com o Inbound Marketing. Existem apenas ações realizadas da maneira certa e muito trabalho para que estas ações tragam os resultados esperados.

Ainda assim alguns resultados obtidos podem não ser o aguardado, pois a internet é “volúvel”. As mídias sociais trabalham de maneira diferente entre si e com o Google.

O Inbound Marketing é um trabalho realizado de médio à longo prazo. Se sua empresa busca resultados “para ontem”, a melhor alternativa é trabalhar com anúncios patrocinados (pagos). Estes anúncios podem ser feitos no Google Adwords, no Facebook Ads, no Instagram ou Linkedin Business. Mas saiba que estes anúncios são trabalhados através de créditos e estes créditos não costumam durar. Além de tudo, uma vez encerrado o seu crédito, o seu site tem grandes chances de voltar ao Limbo da internet se não for feito um bom trabalho de SEO em cima dele.

O Inbound Marketing é um conceito diferenciado que busca otimizar a maneira como sua empresa atua e vende pela internet. Uma vez aplicado o Inbound Marketing é necessário engajamento para manter a sua empresa sempre no topo.

Gostou do conceito de Inbound Marketing? Que tal dar uma chance para ele?

Entre em contato conosco, temos uma equipe de consultores qualificada que pode fazer sua empresa crescer e vender mais.